Com unidade em MS, empresa do setor de uniformes entra em recuperação judicial – CREDITO: CAMPO GRANDE NEWS

Com projeção no setor de uniformes e unidade em Mundo Novo, a Nayr Confecções entrou em recuperação judicial após apresentar dívida de R$ 47,7 milhões. O pedido foi deferido no mês passado pelo juiz Guilherme Henrique Berto de Almada, da 2ª Vara de Mundo Novo. A Real Brasil foi nomeada administradora judicial. – CREDITO: CAMPO GRANDE NEWS

A empresa também tem unidade no Paraná e é a segunda maior fornecedora para as Forças Armadas. Conforme a ação, a confecção atua há 21 anos e gera 1.275 empregos diretos e indiretos. – CREDITO: CAMPO GRANDE NEWS

Segundo o pedido de recuperação judicial, a crise que atingiu o grupo Nayr se agravou após a necessidade de captação de empréstimos para que empresa honrasse contrato, no valor de R$ 88 milhões, para fornecer uniformes ao Exército . A princípio, as entregas seriam realizadas em um prazo de dois anos, porém uma alteração exigiu o cumprimento imediato das entregas.

Com a pandemia do novo coronavírus, os fornecedores chineses, escolhidos por oferecem o produto 35% mais barato, acabaram descumprindo os prazos de entregas e exigiram uma quantia maior como sinal.

“O endividamento da empresa disparou quando a pandemia ainda estava fora do país e depois tomou proporções ainda maiores ao elevar o custo da operação e reduzir o faturamento com a pandemia no Brasil. Tudo isso trouxe um desequilíbrio enorme ao fluxo de caixa”, afirma o advogado Antônio Frange Júnior.

Sobre o autor

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Enviar Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *